domingo, julho 12, 2009

Vagas de 1ª fase de candidatura para o ensino superior (2009)

Não sei se vou ser injusta, mas o acesso à informação sobre a disponibilização de vagas da 1ª fase de candiatura ao concurso para o ensino superior neste próximo ano lectivo (2009-2010) são um emocionante e verdadeiro jogo de "siga as pistas", coisa que, por acaso, eu muito aprecio.
Penso que a forma de divulgação dessa informação neste ano - por metodologia inovadora, a que chamo de crabbing - é muitíssimo mais estimulante.
Afinal, querem ou não os potenciais candidatos aceder ao ensino superior?

Ah! Querem, não é verdade?
Então? O sistema de divulgação das vagas do ensino superior em 2009-2010 está muito certo! Os tais potenciais candidatos começam logo, à prióri, por treinar o dispêndio inútil de tempo útil e a consumir desnecessáriamente paciência, competências de sistematização e demais requisitos para investigar, compilar, organizar e seleccionar, aonde e como puderem, os elementos necessários a uma tomada de decisão, que só afecta o futuro das suas vidas, enquanto residentes nacionais legítimos.
É assim mesmo: "De pequenino é que se torce o pepino"; os candidatos que puxem pela cabecinha... e, claro, pelos cordões das bolsas para comprar... jornais, pois claro...

..
Madrugámos, hoje, informados daquelas vagas por diversos órgãos de comunicação social, houve jornais que até publicitam a informação em fascículos de ficheiros *.pdf que irão dar muita luta e entreter o pessoal por umas boas horas, outros houve (
Público online) que, sensata e simpaticamente, além de publicarem a notícia, disponibilizaram logo um ficheiro excel com a síntese da informação, que parece interessar (aqui).
.
E institucionalmente?
Em anos anteriores, a informação desta natureza era publicada, oficialmente, numa página dedicada ao acesso ao ensino superior; o ano passado, por exemplo, essas notícias foram divulgadas até pelo Portal do Governo, aditivadas com notas explicativas mas, este ano, no meio tempo, o pessoal responsável (quem será?) foi a banhos porque, como é óbvio e ululante, ninguém é de ferro, a não ser, é claro, só todos os potenciais interessados.
.
Terei sido muito injusta se a informação ao público não tinha a sua divulgação prevista para hoje, DE MADRUGADA, e era para ser publicada só amanhã de madrugada; mas, nesta condição, de que forma acedeu a comunicação social à informação privilegiada?; em alguns países estes privilégios informativos designam-se por 'inside trading' e "dão cadeia" mas, entre nós, são apenas "reservas especiais de mato de patacas".
__________________________

Aditamento meu, das 19:02 h de 12 de Julho de 2009:


Não há nada como 'realmente'!
Agora, é mesmo oficial - o que é vivo sempre aparece:


Apareceu-me a informação necessária, neste cafundó, perto da hora da entrevista do Ministro da Ciência, Técnologia e Ensino Superior:

"
Vagas para Concurso Nacional e Concursos Locais para ingresso no Ensino Superior 2009: Disponível Versão Excel Nota de explicação"

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial