quarta-feira, abril 25, 2007

Com o olhar vítreo da "Python"

Só tenho podido acompanhar muito de viés - por controlo remoto da Comunicação Social, e com a acuidade vidrada da visão encapsulada própria de uma cobra python - as notícias fantásticas do que se passa na Educação Superior, Ciência e Tecnologia em Portugal.
De informação em informação, cheguei à Página do MCTES, aonde podemos consultar o conteúdo de Ciência 2007, de 20 de Abril de 2007: Governo lança Concurso Internacional para a contratação de 1000 investigadores doutorados.
Não deixaria de ser uma excelente notícia, potencialmente, muito interesante se não fosse sabermos bem os resultados do seguinte e detalhado documento "Science, technology and innovation in Europe"(1), ISSN 1725-5821, publicado pelo EUROSTAT, e que o Observatório da Ciência e Ensino Superior nos disponibiliza para consulta aqui.
Esta medida de "mais doutorados" é apenas mais uma das, habitualmente, variadas e descontextualizadas, com que o(s) ministério(s) que tutela(m) esses assuntos nos brindam.
Enfim, mesmo assim será, razoavelmente, bom para cada um dos felizes 1000 bafejados pelos protecionismos governamentais, tantas vezes descritos neste blog. Desta vez, vai-nos custar no mínimo mais cerca de € 35,000,000/ano, e continuamos a não saber para que serve essa despesa adicional.
Dizem-me algumas pessoas, mas isso são só tostões!!.... e são!
Só que os bolsos deste país parecem estar rotos, e todos os dias, literalmente, lexiviamos tostões aqui, tostões ali, tostões por todo lado, sem objectivos definidos, mensuráveis e consequentes. No final das empreitadas, gastamos milhões e milhões, para nada! Nem para ganharmos juízo. Querem comprovar?:
Na Edição impressa do Diário Económico - Universidades, podemos ler:
"Mais de 20 cursos com nota negativa" - exactamente quanto nos custou, em recursos financeiros e tempo gasto, o primeiro surto da avaliação da qualidade de ensino superior? No que deu? Pouco menos que nada!
Parece que, do MCTES, sobre esse tema, só se sabe que essas avaliações foram no tempo do anterior governo,.... e que agora o filme* já é outro...
A este respeito ainda, e espantosamente (por ser totalmente inédito), concordo em género, número e grau com a opinião do actual Presidente do CRUP (Entrevista a Seabra Santos, Presidente do Conselho de Reitores (CRUP) 2007-04-24 00:05): "É inadmissível que o Governo não aplique consequências da avaliação".
.
.
*Esperemos que o filme actual, não se torne numa longuíssima, chatíssima e ruinosa (kilo)metragem!
(1) Science, technology and innovation in Europe"(1), ISSN 1725-5821, publicado pelo EUROSTAT, no Cat. No. KS-AE-07-001-EN-N. (Cat. No. printed publication KS-AE-07-001-EN-C). Theme: Science and Technology. Collection: Pocketbooks"

2 Comentários:

Blogger Ana Rosa disse...

Regina, encontrei este seu blog por casualidade e vou voltar.

acho que temos em comum duas coisas importantes,
o gosto pela ciencia, eu serei brevemente uma recém doutorada (infelizmente das nao bafejadas pela FCT),

segundo o gosto pelo artesanato, en especial a ceramica (encontreia procurando no google a palavra soenga, ahhhhh!!! )

um beijo e obrigado pelo post, foi bom saber que ha alguma esperança de reincorporaçao em portugal...depois de 7 anos de estadia fora do pais....

sexta abr 27, 11:57:00 da manhã 2007  
Blogger Regina Nabais disse...

Olá Ana Rosa. Obrigada por ter passado aqui no blog, e deixado a sua mensagem.
Que corram muito bem as suas provas de Doutoramento (sem as bençãos e apesar da FCT) e, sobretudo, a sua reincorporação em Portugal; também vivi 10 anos fora do país, daí gostar muito de tentar sempre executar (mal) o que aqui chamam de soenga, mas que aprendi noutras paragens.
Volte sempre.

sábado abr 28, 02:32:00 da manhã 2007  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial