quarta-feira, julho 18, 2007

Vá.., no máximo, tomem lá dois para cada um, depois EU quero perfeito silêncio!

É o que se diz:
1. Universidades e/ou Politécnicos "não vão perder as suas" unidades orgânicas que evidenciem a Síndrome de Alberto João, e os actuais dirigentes permanecem em funções, até à nova organização estar implementada. Em anos, isto vale quanto?
2. Reitores e/ou Presidentes podem continuar a ser eleitos por um círculo eleitoral democrático,
adequadamente, restrito e manobrável, e o Conselho Geral (órgão que se pretendia ESTRATÉGICO, passou agora aquela coisa 'estratégicazinha com obliquidade sinuosa') aumenta para 35 membros - eh! eh! eh! Vai ser giro.
3. Politécnicos "não perdem o direito às fundações", mas não haverá cá fundações, para ninguém, que não tenham, pelo menos, 50% de Receitas Próprias - isto é, receitas próprias daquelas que são provenientes de fundos públicos (contratos programas, encomendas de estudos, pareceres, relatórios, contratos diversos e palpites sortidos), cujo poder de atribuição continua a ser, inteiramente, governamentalizável. E a instituirem-se fundações, serão só lá para depois de 2009. Foi um ganho importante!
____________________
Vá, agora peguem os vossos doces, e vão brincar lá para fora, .... e olhem, ... depois também não quero ouvir mais, nem um piozinho!
________________________
Senhor Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, sinceramente, tiro-lhe o meu chapéu, porque seleccionou a oportunidade e conjunturas políticas, realmente, certas e porque reuniu uma colecção de oponentes à sua altura.
Resultado do "game" em contra-relógio: Dois a zero, a seu favor. PARABÉNS!

5 Comentários:

Blogger José N. Azevedo disse...

A minha reacção a essas notícias também foi de desilusão. Gosto pouco de cinzentos, nestas coisas da governação e da responsabilidade por instituições públicas. A ser verdade o que se tem dito, passámos de uma lei preta (ou branca), com os riscos que tinha mas também com os seus desafios, para uma coisinha cinzenta que nos vai deixar, no fundamental, na mesma. 35 membros???? É de bradar aos céus!

quarta jul 18, 03:29:00 da tarde 2007  
Blogger Regina Nabais disse...

Obrigada por ter aqui passado, e partilhado o registo do seu sentimento.

quarta jul 18, 03:41:00 da tarde 2007  
Blogger Alexandre Sousa disse...

Claro que também podemos ficar todos calados como manda a tradição e fazer de conta que aqueles 199 artigos era mesmo à séria, mas depois de passarmos todos pelo clube dos parvos e ter havido um misto de incredulidade/desconfiança de que podia ser que & etc., para agora o nosso homem dizer que tem um Conselho Geral com 35 membros e que lá de dentro sai outra vez um coelhinho de pelo branquinho, aos saltos bem altos, oh! gente, até aqui em Badajoz dá vontade de partir a louça.

Aquele abraço

quinta jul 19, 06:39:00 da manhã 2007  
Blogger Regina Nabais disse...

Alexandre, isto é que tem um vício de rueiro; qu'é que 'tá aí fazer nos castelhanos, outra vez?
____________
Isto, por enquanto, são só especulações de resultados de primeiro "round", ninguém ainda jogou ou vai jogar toalhas para o chão.
E "nós outros" (o Alexandre também) estamos todos bem vivos e atentos. Se der para o muito torto, faremos como a sogra de uma pessoa que eu conheço: não daremos tréguas! A "tática de matraca" incomoda mesmo muito! Tenha a certeza.
Volte cá para a terra, o mais rápido que puder, pode ser?

quinta jul 19, 10:43:00 da manhã 2007  
Blogger Alexandre Sousa disse...

Para já (?!) ando sempre na ‘terra’.Isto é, Badajoz-Lisboa; Lisboa-Salamanca; Salamanca-Porto; Porto-Vigo; vira-e-volta; está –a-virar!
Não diga nada a ninguém, é segredo!
Ando a pôr as ideias do Saramago em prática… é para isso que me pagam (bem!!!)

quinta jul 19, 11:36:00 da manhã 2007  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial